http://atualiza.acicampinas.com.br/ADMblog/thumbs/73.jpg
Associação Comercial
Associação Comercial

Franquias: o passo a passo para empreender

Franquias: os números de um mercado promissor

Franquia ou franchising empresarial, de acordo com a definição do SEBRAE, é um sistema pelo qual o franqueador cede ao franqueado o direito de usa da marca ou patente, associado ao direito de distribuição exclusiva ou semiexclusiva de produtos e serviços.

Segundo um estudo realizado pela Associação Brasileira de Franchising (ABF) houve um crescimento no número de franquias de 9,2% de janeiro a março de 2016, com um faturamento de R$31, 3 bilhões, superando a marca do ano anterior que atingiu as cifras de R$28,7 bilhões. Os números expressivos desta pesquisa revelam um dos motivadores para tal realidade: o índice de “mortalidade média” das pequenas empresas no Brasil é de 85% nos primeiros 5 anos; em contrapartida, este percentual cai para 4,3% quando falamos em franquias, devido ao know how das marcas no mercado.

Dentre as franquias que mais se destacaram no primeiro trimestre deste ano, consolidando os excelentes números do setor, estão o setor de alimentação, que cresceu em média 14% em relação ao mesmo período de 2015; o setor de saúde, beleza e lazer, com 14%; e, por fim, o de comunicação, informática e eletrônicos, com um crescimento na casa dos 11%.

As vantagens do sistema de franquias

Quem adere ao franchising conta com a bagagem comercial, o respaldo e o conhecimento de uma marca já consolidada no mercado, o que trará reflexos positivos em diversos aspectos, tais como: descontos, prazos e condições diferenciadas de pagamento, devido ao cadastro financeiro do franqueador. Além disto, vale ressaltar a certeza de ter produtos e serviços que já foram testados e aprovados pelos consumidores.

O franqueador tem interesse em manter a reputação e sucesso da sua marca, logo, investe em treinamentos, capacitações, encontros e discussões sobre boas práticas para garantir a continuidade e ganhos para as duas partes envolvidas no processo. Desta forma, fica clara a relação de parceria no sistema de franquia, o que fortalece vínculos comerciais e cria uma atmosfera propícia para gerar lucro com baixo risco de oscilações.

O franqueador atua ativamente no processo de implantação da franquia. O franqueado recebe apoio sobre custos para instalação, equipamentos e mão de obra desde o início do projeto, otimizando o processo e facilitando o controle de fluxo de caixa, devido à alta previsibilidade de investimentos. Aliás, economia em escala é uma premissa do sistema de franquia. Franqueados e franqueadores também dividem despesas relacionadas à divulgação da marca com o objetivo de reduzir custos e fomentar a abrangência do negócio.

São inúmeras vantagens que, cada dia mais, atraem novos empreendedores e investidores para esta modalidade de negócio. Você está interessado em abrir uma franquia? Preparamos um infográfico com um guia simples para entrar para este mercado próspero:


Case de sucesso: Sodiê Doces

A empresária Cleusa Maria Silva é um dos grandes nomes do Day1x. Você poderá conhecer a história desta empreendedora que deixou o cargo de empregada doméstica para dedicar-se a fazer bolos. A trajetória da Sodiê Doces, com mais de 200 lojas no Brasil e a resposta para uma pergunta: como transformar uma franquia em sucesso absoluto de vendas, aceitação de público e referência no país?


Associação Comercial| SNE, 2016, ACIC, Franquia, Franchising, Empreendedor

Pode lhe interessar


Colunistas


Foto Foto Foto Foto Foto Foto Foto

Posts recentes


Assuntos relacionados