https://atualiza.acicampinas.com.br/ADMblog/thumbs/457..jpg
Equipe ACIC
Equipe ACIC
Tradicional instituição empresarial de Campinas, fundada em 1920 e com mais de 2.500 empresas associadas, a ACIC apoia o desenvolvimento das empresas por meio de seus 3 pilares para soluções empresariais: Redução de Custos, Oportunidades de Negócios e Educação Empreendedora.

2020: um capítulo insólito nos 100 anos da ACIC

Justamente no ano que deveria ser de comemorações pelos seus 100 anos – a serem completados no próximo 21 de novembro – a Associação Comercial e Industrial de Campinas (ACIC) se depara com toda ordem de desafios, devidos à pandemia do novo coronavírus.

Justamente no ano que deveria ser de comemorações pelos seus 100 anos – a serem completados no próximo 21 de novembro – a Associação Comercial e Industrial de Campinas (ACIC) se depara com toda ordem de desafios, devidos à pandemia do novo coronavírus e às necessárias medidas de distanciamento social que levaram ao fechamento do comércio considerado não essencial por mais de 200 dias.

Adiamos as celebrações para 2021 porque o momento é de sobrevivência, de assegurar a saúde financeira das empresas e de evitar a perda de empregos. É o momento de mostrar o valor e o papel de “Associação que defende junto ao poder público os interesses dos setores que representa; que mune os empreendedores com dados e conhecimento para o enfrentamento das adversidades; que inspira e que luta pelo desenvolvimento do município de Campinas”.

É fato que, desde que um grupo de empresários visionários fundou, em 21 de novembro de 1920, o “Centro Commercial de Campinas” (nome alterado para Associação Comercial e Industrial de Campinas, em 1957), foram inúmeras as adversidades nos âmbitos econômico e social que impactaram Campinas e, consequentemente, as classes representadas pela Associação – da quebra da Bolsa de Valores de Nova Iorque, em 1929, à Revolução de 1932, passando pela Segunda Guerra Mundial, de 1939 a 1945... Entretanto, em décadas de associativismo, nada assemelha-se a 2020.

A pandemia nos impôs desafios insólitos e este está sendo um ano de adaptações, de resiliência, de reinvenção e, acima de tudo, de superação para os diferentes setores, em especial para as pequenas e médias empresas. Um ano de lutas, com perdas e ganhos. De um lado, sofremos com o fechamento de 290 lojas, apenas no Centro expandido de Campinas, e vimos empresários padecerem com a redução do faturamento; de outro, presenciamos a livre iniciativa se reinventando e permitindo a abertura de 3.950 estabelecimentos no município entre janeiro e setembro.

Nós arregaçamos as mangas para, mais uma vez, fazer a diferença para os empreendedores, que sempre confiaram no nosso papel de representá-los na defesa dos seus direitos e na apresentação de suas demandas junto ao poder público.

Nossa diretoria, formada por empresários aguerridos, foi fundamental para nos fornecer a realidade e as dores enfrentadas pelos diferentes segmentos, ao que o nosso time de colaboradores prontamente respondeu, buscando orientar os gestores para que pudessem retomar suas atividades econômicas, mesmo diante de cenário tão adverso.

É este o nosso papel desde 1920, quando havia cerca de 1.100 estabelecimentos comerciais em Campinas, conforme dados do Cadastro do Município, até os dias atuais, quando a cidade contabiliza 61.580 estabelecimentos, entre comércio e serviços.

Se no passado as necessidades do comércio eram, prioritariamente, voltadas à infraestrutura, à proteção e ao amparo legal para os negócios, hoje as demandas estão tanto no ambiente físico como no digital. E a ACIC participou ativamente dessa mudança comportamental por meio de sua atuação nos conselhos municipais, com sua voz ativa em importantes tomadas de decisões referentes a Campinas e ao buscar incessantemente por tecnologias e soluções inovadoras para os diferentes modelos de negócios.

Há oito anos, trazemos as principais tendências internacionais para os empreendedores de Campinas e região. Durante o isolamento social, quando a única possibilidade de aproximação com os clientes e realização de negócios limitou-se à internet, proporcionamos ferramentas tecnológicas gratuitas para que as empresas pudessem realizar a sua transformação digital e ingressar no universo online para, assim, gerir melhor os negócios, minimizar as perdas financeiras e retomar as vendas.

Fomos além. Era preciso preparar os gestores para essa nova realidade. De forma virtual, oferecemos cursos e palestras orientativas, oportunidades de novos negócios e apresentamos cases de empresas que estavam conseguindo navegar neste mar de tantas turbulências. 

Estamos aprendendo, juntos, no dia a dia. Com o Índice de Confiança do Consumidor registrando a quarta alta consecutiva em outubro, cabe a nós, enquanto Associação e representante dos setores geradores de empregos e de renda, motivar os empreendedores nessa difícil transição para o “novo normal’’. Caminhamos para o fim do ano do centenário da ACIC com a certeza de que, neste momento, ação é infinitamente mais relevante do que comemoração. 

 

Adriana Flosi

Presidente da Associação Comercial e Industrial de Campinas (ACIC)

Presidente da Câmara dos Dirigentes Lojistas de Campinas (CDL)

Vice-presidente da Federação das Associações Comerciais do Estado de São Paulo (Facesp)

Vice-presidente da Junta Comercial do Estado de São Paulo (Jucesp)

 

Equipe ACIC|

Pode lhe interessar


Colunistas


Foto Foto Foto Foto Foto Foto Foto Foto Foto Foto Foto Foto Foto Foto Foto Foto Foto Foto Foto Foto Foto Foto Foto Foto Foto Foto Foto Foto Foto Foto Foto Foto

Posts recentes


Assuntos relacionados